Conheça a Biblioteca de Luang Prabang, Laos

Oii gente,

A principal fonte de renda de um habitante do Laos é a agricultura, onde em muitas regiões os livros são considerados artigos de luxo, quase inacessíveis para algumas comunidades.

A Biblioteca de Luang Prabang tem um projeto muito interessante que promove a leitura em aldeias rurais vizinhas. Na parede da biblioteca há as chamadas “book bags” com espaços para colocar livros, onde as pessoas são encorajadas a comprá-los e depois colocá-los em um dos compartimentos da bolsa.

Quando há 100 livros em uma “mochila” ela é retirada e levada até as escolas. Cada book bag atende até 180 crianças e contém livros para idades de 3 a 18 anos, eles são emprestados aos alunos por um período de 2 a 6 semanas para que haja rotatividade entre a comunidade.

Qualquer pessoa pode ir até a biblioteca e fazer uma doação a partir de $2 dólares, uma book bag completa custa $300 dólares. É possível participar, também, doando livros e a biblioteca os venderá para arrecadar mais fundos.

Os livros estão todos em inglês, laosiano e chinês, perguntei ao bibliotecário porque em chinês, ele me disse que a China investe muito na educação das crianças do Laos, pois elas serão mão de obra no futuro para as fábricas chinesas. Independente da visão capitalista, o projeto é muito bacana e ajuda diversas crianças da zona rural.

Ficou curioso (a) para conhecer Biblioteca de Luang Prabang? Confira o vídeo ❤

Onde: Sisavangvong Road, Cidade de Luang Prabang, Laos

Horário de funcionamento: Segunda a sexta: 8h às 17h, sábado e domingo 9h às 16h.

Para conhecer o projeto clique aqui

Bookbag Library Luang Prabang

Foto: Reprodução

Bookbag Library Luang Prabang

Foto: Reprodução

Library Luang Prabang

Library Luang Prabang

Espero que tenham gostado de conhecer um pouquinho desse projeto ❤

Um beijo,

Fer Toyomoto.

Hangout Japa Viajante e AIESEC Brasil

Ontem a noite rolou um Hangout super bacana em parceria com a AIESEC Brasil, onde contei um pouco sobre o meu intercâmbio profissional na Índia e meu intercâmbio voluntário na Argentina.

Gostaria de agradecer a AIESEC Brasil e toda a equipe de marketing que me ajudou para que o Hangout fosse um sucesso e, também, agradecer a Laura, diretora de Marketing da AIESEC Rio de Janeiro, por ter sido a moderadora do bate papo.

Falamos muito sobre autoconhecimento, foco em solução, liderança, empoderamento das pessoas e preocupação com os problemas globais ❤

A conversa completa você confere aqui 🙂

Beijos,

Fer Toyomoto.

Trabalho Voluntário – América do Sul

¡Holaaaa!

Depois de dois meses estou de volta para contar para vocês tudo sobre o meu projeto voluntário na Argentina! A internet lá era bastante complicada, o que inviabilizou minhas postagens 😦 mas estou volta! UHULL o/

Gravei um vídeo contando tudo sobre o meu projeto e algumas dicas para quem pretende fazer um intercâmbio social, olha só ❤

Experiências humanitárias nos ajudam a treinar um novo idioma e nos faz ver o mundo de outra forma. Trabalhar no hospital me fez ser mais humana, me mostrou o verdadeiro valor de um sorriso e das palavras: solidariedade, respeito e diversidade. Como voluntária aprendi muito mais do que ensinei, mais do que paisagens bonitas e uma natureza incrível, minha ida para a Argentina me fez quebrar muitos paradigmas e romper diversos estereótipos.

trabalho-voluntario-argentina-aiesec-japa-viajante-fernanda-toyomoto

Gostaria de agradecer a todas as pessoas que cruzaram o meu caminho nesses últimos dois meses e que me ajudaram direta ou indiretamente, para todos vocês o meu muito obrigada. Trabalhar como voluntária me fez sair da minha zona de conforto e me fez enxergar infinitas possibilidades a minha volta.

voluntario-argentina-aiesec-japa-viajante-fernanda-toyomoto

trabalho-social-argentina-aiesec-japa-viajante-fernanda-toyomoto.jpg

“E aqueles que foram vistos dançando foram julgados insanos por aqueles que não podiam escutar a música” (Friedrich Nietzsche).

Super beijo,

Fer Toyomoto.

Intercâmbio voluntário AIESEC – Argentina

Para quem acompanha o blog sabe que uma das minhas paixões é viajar e explorar o mundo. Faz um mês que voltei da Índia, mas o meu espírito Japa Viajante não se aquieta.

Amanhã embarco para uma mais nova aventura: farei um projeto voluntário em Mendoza, na Argentina durante 7 semanas. Gravei um vídeo contando todo o processo, o que farei lá e o que estou levando na mala ❤

Estou muito empolgada com esse novo desafio, os próximos vídeos / posts serão feitos diretamente de Mendoza 🙂

Espero que gostem!

Super beijo,

Fer Toyomoto.

Prayas organização não governamental – Jaipur

Namastê!

Sábado passado fui conhecer a organização não governamental Prayas. Atualmente a organização conta com mais de 1.000 jovens e luta diariamente pela igualdade entre crianças e mulheres pobres de Jaipur, principalmente tem como objetivo a inclusão de crianças com deficiência intelectual. Acompanhei de perto uma passeata em uma favela em Raja Park em Jaipur. Da só uma olhada no vídeo.

Foi um dia inteiro de visitação e tive o prazer de conversar com a fundadora do projeto, Jatinder Arora. Uma jovem jornalista que em 1996 durante uma reportagem para um dos maiores jornais da Índia, percebeu a necessidade da inclusão social de crianças com deficiência intelectual e assim surgiu a Prayas, que significa esforço em hindi. A ONG começou com 5 crianças e hoje conta com 4 unidades e mais de 1.000 crianças.

favela-mulcumana-ong-jaipur-india-

Foto: Abhi Sharma

Prayas é a primeira organização não governamental da Índia que tem o objetivo tratar e promover o bem estar da pessoa com deficiência física e mental. Já recebeu a visita do ex-presidente dos EUA Bill Clinton e também do presidente da Índia Dr. A.P.J Abdul Kalaam.

Após conhecer toda a estrutura da escola conversamos sobre o futuro dessas crianças e todo o trabalho que é desenvolvido com elas. Fiquei extremamente feliz em conhecer esse trabalho de perto e principalmente entender o processo de inclusão. Durante toda a conversa o foco foi a educação e a mudança por um futuro melhor para essas crianças que vivem com menos de 1 dólar por dia.

ngo-prayas-india-japa-viajante

Foto: Abhi Sharma

Participar da passeata para prevenir a deficiência intelectual, na comunidade mulçumana, foi uma das experiências mais incríveis que já tive aqui na Índia. Poder contribuir de alguma forma para mudar essa realidade, por menor que seja a contribuição, me faz acreditar cada vez mais em um mundo melhor.

ong-prayas-japa-viajante-voluntariado-india

Foto: Abhi Sharma

“Education is the most powerful weapon which you can use to change the world” (A educação é a arma mais poderosa que você pode usar para mudar o mundo) – Nelson Mandela.

Super beijo,

Fer Toyomoto.